14 de jun de 2017

Brigadeiro de milho verde



Brigadeiro de milho verde 1

                Recentemente fiz um bolo de milho verde, o manauê, e um pão também com milho verde.
                Aproveitei para preparar creme de milho e, naturalmente, cozinhei algumas espigas em água e sal, que é a forma preferida de consumo aqui em casa.
                Sobraram 2 espigas, de um total de 24 que compramos, então resolvi experimentar fazer um brigadeiro de milho.
                Também é possível fazer este brigadeiro com pó saborizante para sorvete, mas vamos combinar, nada supera o sabor natural do milho fresco.


Brigadeiro de milho verde 2
 
                Ingredientes:

                - 2 espigas de milho verde;
                - 3/4 xícara (das de chá) de leite integral;
                - 2 gemas;
                - 1 colher (das de sopa) de manteiga;
                - 1 lata ou caixa (395g) de leite condensado.

                Debulhe o milho, cortando os grãos com uma faca.

Brigadeiro de milho verde 3

                Bata no liquidificador com o leite integral.
                Despeje sobre um pano de sacaria e esprema bem para sair todo o sumo.
                O milho bem batido deixa um bagaço bem fininho e você nem precisaria coar com o pano de sacaria. A massa renderia mais brigadeiros e a textura ficaria entre o brigadeiro tradicional e o beijinho de coco.
                Mas eu queria um brigadeiro bem aveludado, como o tradicional.
                Então fica a critério.
                Se quiser a massa mais aveludada, coe usando o pano de sacaria.
                Se gostar de uma leve textura, não precisa coar.
                Coloque a massa de milho verde em uma panela de fundo bem grosso, junte o leite condensado, as gemas e a manteiga. A manteiga, além de ajudar a encorpar a massa, também vai ajudar a modelar as bolinhas sem precisar untar as mãos ou passar no açúcar durante a modelagem. Eu passo no açúcar as bolinhas já modeladas. E as gemas ajudam a encorpar o doce.
                Leve ao fogo, mexendo sempre, até soltar do fundo da panela.

Brigadeiro de milho verde 4

                Para saber se já está no ponto, quando soltar do fundo da panela, desligue o fogo, para fazer o teste, pegue uma colherinha de massa e despeje em um copo com água geladíssima.
                Se a massa soltar fácil da colher e se espalhar no fundo do copo, formando 2 ou mais montinhos, a massa está no ponto de brigadeiro de colher. Religue o fogo e mexa mais um pouco.
                Se precisar empurrar a massa da colher com outra colher e, ao cair no fundo do copo, a amostra mantiver a forma, o brigadeiro está no ponto de enrolar.
                Desligue o fogo, passe a massa para um prato untado com manteiga, cubra com filme plástico, deixe esfriar e leve para gelar.
                Modele as bolinhas e passe em açúcar ou em confeitos coloridos.
                Rende entre 26 e 30 brigadeiros, dependendo do tamanho, se fizer com o creme de milho sem coar deve render cerca de 50% a mais.



                Massas de doces que não levam chocolate em pó ou farinhas de nozes na receita costumam levar mais tempo para chegarem ao ponto e, portanto, grudam no fundo da panela, ficando marrons e até queimando.

Brigadeiro de milho verde 5

                Para minimizar este estrago, use uma panela de fundo bem grosso, fogo baixíssimo e, quando a massa começar a pegar no fundo, levante a colher de pau e evite raspar o fundo da panela. A massa vai cozinhar e não vai ficar cheia de grumos marrons.
                Ou use o microondas. Basta misturar os ingredientes, levar ao micro em potência média por 2 minutos, retire e misture e torne a levar ao micro por mais 2 minutos. Repita a operação mais uma ou 2 vezes. Faça o teste do copo de água para saber quando a massa está pronta.
                No micro o aproveitamento é de 100% da massa, já que a massa não vai grudar no pirex.
Para ver outras receitas de compotas e genéricos acesse o Índice 3.




Print Friendly and PDF





Doe amor, doe VIDA! Doe medula óssea!
Clique na imagem abaixo e descubra onde:

Hemocentros


4 comentários:

  1. Olá Gisele. Só uma peegunta: Kd o canal no YouTube mulher?! Seus conteúdos são tão bons, melhores que o de muitos canais que estão ganhando milhares e reais por aí. Faz o canal vai. Virei sua fã desde que vi sua receita de cestinha de caramelo. Agora quero fazer tudo. Kkkk. Bjos. Aguardando o canal...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 😂 Que delícia receber este comentário!!!!!! 😍
      Muito obrigada pelo carinho, confiança e incentivo, mas tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. (Eclesiastes 3:1)
      Quem sabe um dia...
      Até lá vamos nos encontrando por aqui, ☕.
      Seja sempre muito bem-vinda, querida. Este entusiasmo é contagiante.
      Beijos. 🌹

      Excluir
  2. Amém. Continuarei te visitando e incentivando. Parabéns pelo trabalho. Deus continue abençoando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais uma vez muito obrigada, Fabiana.
      É muito bom saber que estamos no caminho certo e estamos abençoando.
      Seja sempre muito bem-vinda. Beijos. 🌹

      Excluir

Sua opinião sobre o nosso espaço é muito importante.
Por isso sinta-se à vontade para registrá-la. Ou use esse espaço para tirar dúvidas ou deixar sugestões.
Seja sempre bem-vindo(a).